Quem se lembra dos cadernos de perguntas da época da escola?


Curiosamente, do nada, me veio a imagem da minha época de escola e desses cadernos de perguntas. Não me lembro exatamente em que série, mas tinham praticamente 1 para cada aluno, em cada turma, de cada ano…rs. Basicamente era um caderno onde na primeira linha de cada folha escrevia-se uma pergunta, e as linhas seguintes eram numeradas, para seus colegas escreverem suas respostas.


Então os alunos compravam um caderno brochura, as vezes o encapavam da forma que achasse mais bonito, e bolavam as perguntas mais mirabolantes que a sua cabeça conseguisse imaginar. A primeira questão, da primeira folha, era sempre: "Qual o seu nome?". Daí cada um que respondia colocava o nome em um número correspondente, e era possível ver quem respondeu cada questão seguinte olhando por esse número.


A maior emoção do planeta era levar o Caderno de Perguntas para a escola, daí toda a classe queria responder o dito cujo. Ou então entregá-lo para a pessoa que você mais admirava ou tinha um “crush” pra saber o que iria responder na pergunta 27, "Você gosta de alguém?" ?? E na pergunta 42, "O que você acha da dona deste caderno?" ?? ...rs


O mais interessante era que o caderno rodava a escola inteira... Todo mundo gostava de responder. Era ver alguém respondendo algum, que já vinha um monte de gente pedir para responder também. Lembra disso?


Pois é, muitas das perguntas eram bobas, inocentes, levando em consideração até a época em que esse caderno circulava. Uma época em que nem se pensava em internet e o acesso a informações e curiosidades provinham da Barsa, Conhecer ou do Manual do Escoteiro Mirim….rs


Perguntas como:

Gosta da sua letra?, Seu sorvete favorito?, Cor favorita?, Qual foi a última coisa que comeu hoje…entre outras.


Outras eram perguntas que hoje, em uma vida adulta gerariam uma reflexão interessante levando em consideração as possíveis respostas.

  1. Acredita que você seja uma pessoa forte? – Quais são suas forças? Se você acredita ser uma pessoa forte é baseado em que evidências?

  2. Três coisas que eu odeio: - Ou seja, o que fere os seus valores?

  3. Qual é a viagem dos seus sonhos? – Seus objetivos de futuro, onde se imagina ir, conhecer, explorar?

  4. Se você fosse um animal, qual seria? Pergunta que já apareceu em muitos processos seletivos, para entender que comportamentos e atitudes você tem baseado na escolha do animal. Dependendo da resposta dada, o entrevistador pode tirar várias conclusões a respeito do candidato.


Ok Raphael, mas onde você quer chegar com esse flashback de cadernos de perguntas? Qual a relação com coaching ou carreira?


Então…a ideia do caderno é justamente te permitir criar um autocoaching. Obviamente não é um processo de coaching, mas uma maneira de buscar evolução rumo a seus objetivos. Vou deixar perguntas aqui que gerem reflexão para uma perspectiva voltada para autoconhecimento, comportamento, atitudes, perspectiva de futuro e muito mais.


Será um caderno de autocoaching, um diário que irá te auxiliar a organizar as ideias e ampliar sua clareza e capacidade de realização diária.


Você vai gastar 5 minutos da sua manhã alimentando seu Caderno que irá trazer resultados já no curto prazo! Sim, no curto! A clareza é automática, assim que você começa a escrever sobre você, já melhora em diversos aspectos. Mas a mágica mesmo se dá no médio e no longo prazos. É depois de alguns meses e até anos que vai notar a evolução para valer, sabe como?


Retornando ao que escreveu lá trás e confirmando se realizou suas ações rumo a seus objetivos, ajustando suas ações para chegar lá!


Escrever ativa seu sistema neuropsicomotor e coloca sua mente e seu corpo no "modo realizador". É sobre organizar as ideias, sair do piloto automático e refletir todo dia para realizar!


O Caderno é seu, e a grande importância está em ser consistente com este hábito de pensar em si todos os dias.


Comece por aí, mesmo se nunca fez coaching, mesmo se não acreditar muito no potencial disso... Dê a si a chance de fazer as coisas que muitas -- muitas mesmo -- das pessoas mais bem-sucedidas do mundo fazem para se entender melhor e planejar seus próximos passos.



Para escrever pela manhã:

- Qual meu maior objetivo hoje? (escreva o que vier à cabeça)

- O que farei de bom por mim hoje?

- Que qualidade ou força minha quero mais usar no dia de hoje?

- Como estou me sentindo? Por que estou me sentindo assim?

- Pelo que sou grato (na vida, no dia de hoje, por ontem...)?

- Que lema ou frase vou usar hoje para me colocar pra cima?



Para organizar as ideias:

- Qual meu grande objetivo pessoal? (escreva o que vier à cabeça)

- Qual meu grande objetivo profissional? (escreva o que vier à cabeça)

- Que passo vou dar hoje em direção a um deles (ou aos dois, se der, mas só se der)?

- Quais são as pendências que estão me atormentando?

- Delas, quais realmente eu posso tirar da frente hoje?

- Vou me dar uma pílula de alegria hoje. Ela vai ser...



Para aumentar o ânimo para o seu dia:

- Por que estou fazendo o que estou fazendo? (pessoal/profissional; é o equivalente a perguntar a si mesma: o que me motiva a fazer isso?)

- O que posso fazer e que aumentaria meu ânimo imediatamente?

- Quais os 3 últimos elogios que ouvi? - O que faço muito bem/tenho de bom e que talvez ninguém saiba?

- O que posso fazer hoje para sair da minha zona de conforto?

- Qual pequena meta posso agregar ao meu dia para me sentir vitoriosa amanhã de manhã?



Dicas importantes:


1- Procure ser específico com relação a gratidões e a objetivos traçados. Quanto mais específico você for no que escreve mais clareza e tranquilidade ganha.


2 - O foco aqui é escrever todo dia, mesmo se for pouquinho ou se for desorganizado. A persistência no autocoaching é que traz resultados.


3 - Jamais deixe de escrever a parte da gratidão diária. Inúmeros estudos de Psicologia Positiva comprovam o efeito benefício sobre as saúdes mental e física dessa prática. mesmo se ela soar estranha pra você, persista!


4 - Tente fazer também uma To Do List antes de dormir. A lógica é a mesma do seu diário matinal, porém estudos recentes demonstraram que o simples ato de listar o que precisa fazer no dia a seguinte antes de dormir melhora a qualidade do sono mais do que qualquer outra prática -- inclusive do que a prática de escrever sua lista de afazeres de manhã. Por isso, indico como mais efetivo fazer a to do list à noite e deixar um dos roteiros que descrevi acima para a manhã.


5 - Agregue outros elementos ao seu Ritual Matinal. Sugiro ter um mantra pessoal, um ritual que mexa com o corpo, como meditação, caminhada ou alongamento, entre outros.

Sucesso a todos!

Gostou desse artigo? Compartilhe com os amigos!

Entre em contato e agende sua sessão de coaching.


DESTAQUES

INSTAGRAM

PARA ME SEGUIR

  • White LinkedIn Icon
  • White Instagram Icon
  • White Facebook Icon

RECENTES

CATEGORIAS

ARQUIVOS

COMPARTILHE ESTE SITE

  • Grey LinkedIn Icon
  • Grey Instagram Icon
  • Grey Facebook Icon

PARA MELHOR EXPERIÊNCIA, RECOMENDAMOS A VISUALIZAÇÃO DESTE SITE NO NAVEGADOR GOOGLE CHROME.

CURTA A PÁGINA